09/07/06

TOP EXPLOSÕES

Pirotecnia ao máximo, o momento electrizante do filme é quando vai tudo pelos ares. Se a técnica de 7 câmaras a captar o momento deixou de ser excitante, o que resulta hoje em dia é COMO é que explodem as coisas... Se o fazem com estilo, com muito gasóleo ou apenas barulhento o suficiente para disfarçar a falta de orçamento.

10. Clear & Present Danger (Alvo na Mansão)
Trata-se mais de uma sequência bem montada, em que ao ir a casa pelo ares forma um fogo-de-artifício de detritos.


9 - Brocken Arrow (Bomba subterrânea)
Espectacular cena de acção, onde só acaba após remover o solo como um tractor e abater um helicóptero com a sua onda electromagnética.


8 - T2 (Explosão nuclear)
Capítulo onírico de Sarah. O dia do juízo final chegou: As cidades norte-americanas são arrasadas tal como também as crianças que brincavam no parque, voando como pedaços de papel, com Sarah Connors a acabar em esqueleto. Arrepiante.


7 - Apocalypse Now (Napalm)
“Adoro o cheiro do napalm pela manhã...” Era assim que Robert Duvall conversava com os seus soldados após um raide aéreo carbonizar meia selva e uma mão cheia de vietnamitas.


6 - Armageddon (Meteorito atinge Paris)
Um gigantesco pedaço de rocha risca do mapa a capital da França. Em Aspect Ratio 2.35:1 até podemos ver a Torre Eiffel a derreter para o lado!


5 - Pearl Harbor (USS Arizona)
Barulhenta e brutal. De uma bomba que se alojou no interior do navio saiu um Big Bang à escala Hawaiana.


4 - Matrix (helicóptero após o resgate de Morpheus)
Visualmente arrebatadora, com os seus estilhaços em milhões de vidros. Um final apoteótico para uma sequência de cortar a respiração.


3. Star Wars episódio 6 (Death Star, de dentro para fora)
Ritmo frenético e tremendamente espectacular. Ainda hoje aquela missão me impressiona pela sua perfeição. O recente retoque ao plano geral, com o anel de fogo a sair da explosão deu-lhe um outro fôlego.


2. Independence Day (Limpeza Alienígena)
As imagens que deram fama à invasão de extraterrestres em 1996. A destruição da Casa Branca é mundialmente famosa, mas os outros edifícios emblemáticos de L.A. e N.Y. não são de lhe ficar atrás.


1. Die Hard (Geronimo, motherfucker!)
Os nervos estavam a ficar à flor da pele, depois dos ‘maus-da-fita’ desfazerem um carro-tanque à entrada do Nakatomi Plaza. John MacLane não faz por menos: Arma-se em Macgyver, atando uns pedaços de explosivo plástico (C4) a uma cadeira, junta-lhe peso (o monitor do PC) e atira-o para o poço do elevador. O resultado é um autêntico petardo que rebenta com o andar inteiro.

6 comentários:

Criswell disse...

Apocalypse Now em 1º lugar já! :)

O "teu" Die Hard lá conquista mais um pódio :P

membio disse...

se acham que as dos filmes são boas, as reais metem tb respeito... vejam este video...

http://www.metacafe.com/watch/63413/explosions_compilation/

Mário Lopes disse...

O Apocalypse Now realmente merecia um lugar melhor, mas até concordo com os restantes :).

Abraço

brain-mixer disse...

Criswell, pois é: Die Hard rules! O melhor filme de acção de sempre ;)

membio, é verdade. A realidade é sempre mais excitante que a ficção. Por isso mesmo que cada vez mais se usa a forma "documental" para captar imagens, tipo câmara ao ombro...

Mário, se gostaste e concordas, fica aqui a nota do que poderia se seguir (já que o membio não deixou mais exemplos :P):
- Speed 2 (petroleiro)
- V for Vendetta (Buckingham Palace)
- Swordfish (um bang a 360º no início)
- Outbreak (BLU-82: a Daisy-cutter do início)
- Rambo 2 (Nas cataratas)

Knoxville disse...

yepekaieeeee motherfucker :P

Xplod disse...

"3. Star Wars episódio 6"
Sem sombra de duvida a minha preferida deste top.