25/06/07

DIE HARD SCENARIO

Está prestes a explodir daqui a uns dias LIVE FREE OR DIE HARD, a quarta aventura de John McClane.
Quando Die Hard estreou, foi considerado um dos melhores filmes de acção da sua geração. Foi dito que reinventou mesmo o próprio género e delineou a estrutura de inúmeros filmes de acção/thriller dos anos 90.

O filme foi mesmo responsável por criar o arquétipo "action star", que é usar poucas peças de roupa (na grande maioria rotas e sujas de sangue), falar em frases curtas (Yippee Ki Yay, motherfucker!") e ter sempre um olhar de duro.
Assim, a fórmula era sempre a mesma, com algumas alterações no local da trama:


Die Hard num avião:

Passenger 57 (1992)

Executive Decision (1996)

Con Air (1997)

Air Force One (1997)



Die Hard num barco:
Under Siege (1992)

Speed 2: Cruise Control (1997)



Die Hard sobre rodas:
Speed (1994)

Cellular (2004)



Die Hard numa ilha:
The Rock (1996)



Die Hard num comboio:
Under Siege 2: Dark Territory (1995)



Die Hard num estádio:
Sudden Death (1995)



Die Hard na montanha:
Cliffhanger (1993)




E muitos mais...
Por terra, mar ou ar, várias franchises tentaram seguir o esquema de McTiernan.
Até o Die Hard 3 seria suposto passar-se num barco, mas após a antecipação de Under Siege eles tiveram de meter o projecto na gaveta... Tempos depois saiu o Speed 2. Uii... O esquema tinha acabado por morrer.

15 comentários:

Cataclismo Cerebral disse...

Sim, a fórmula já está bem gasta. O Die Hard original é óptimo; o 2º desiludiu; o 3º foi melhor. Não estou com grande fé para esta 4ª incursão, porque me cheira a excesso de fancaria visual à la Missão Impossível. O Speed2 é um falhanço a todos os níveis, mas convem dizer que o original é uma das pérolas de acção dos anos 90 e responsável pelo lançamento da Sandra Bullock (depois que ela tenha escolhido maus filmes, isso é outra coisa).

Abraço

brain-mixer disse...

Estamos de acordo com tudo ;)
Acho que é de conhecimento geral qualquer informação que aqui postei...

(Um àparte, ainda ontem estava no CC Vasco da Gama e imaginei um Die Hard à portuguesa, "Assalto aos arranha-céus", com as Torres São Rafael e São Gabriel :P)

Francisco Mendes disse...

O trailer desta quarta incursão deixou-me cabisbaixo... que saudades do original!

De qualquer forma, belo trabalho de colectânea de filmes ranhosos :P

Abraço Edgar!

brain-mixer disse...

Pois, o trailer vale pela presença do Kevin Smith e pelo "Yippee Ki Yay"... :D
Ah, e nada de chamar de filme ranhoso ao Speed e ao The rock! Pelo menos no meu blog :P LOL

Abraço Francisco ;)

RJ/KritiCinema disse...

Speed e The Rock são realmente bons filmes de acção, já não digo é o mesmo do Speed 2...
Quanto aos John McClane's, o primeiro Die Hard é memorável, Yippee Ki Yay!!! ... Mas concordo com o que o cataclismo cerebral disse, este 4 também me fez lembrar muito o Misssão Impossível... Pirotécnia, pirotécnia e... um pouco mais de pirotécnia.

Abraço!
PS: Gostava de saber a tua opinião sobre o artigo dos posters que publiquei hoje, já que também és fã da beleza visual de um poster bem feito ;)

Cataclismo Cerebral disse...

Sim, o Speed não é ranhoso! É, quanto a mim, um dos melhores filmes de acção de sempre (e eu não estou a gozar) :)

Abraço

brain-mixer disse...

Rafa, já dei a minha opinião ;)

Cataclismo, é um dos melhores sem dúvida! O MELHOR é o Die Hard!! :D (E tenho também o LEON e o POLICE STORY no pensamento)

Sam disse...

E que dizer do OPERAÇÃO SWORDFISH? É um filme que (quase) sumariza todos os "ingredientes" salientados no teu post, cuja única diferença será o cunho do produtor Joel Silver: sexo, sexo e sexo.

De resto, mais um post com uma excelente série de boas recordações cinematográficas.

Cumps.

Knoxville disse...

Acabei de chegar do cinema, e posso-te dizer caro Edgar que "Live Free or Die Hard" é talvez a melhor sequela da saga. Good old times back!

_Loot_ disse...

E a personagem de Bruce Willis em "a fúria do último escuteiro" muito à la Maclane também.

brain-mixer disse...

Samuel, Não era tanto uma fita "à la Die Hard" mas sim uma fita vulgarmente chamada de série B camuflado em A... Faz-me lembrar o Terminal Velocity, o Money Train, The Specialist... Num piscar de olhos, transforma-se em tudo de quase nada :P

Knox, vou então verificar isso meu amigo ;)

Loot, aiai, creio que não percebeste o conceito: É a trama, não o personagem! LOL


Nos tempos mais recentes, há outra expressão a dominar a cena... "Snakes on qualquer-coisa" Ehehehehh!

_Loot_ disse...

bolas lol

r,dias disse...

Gostei da análise...
e deixo esta sugestão de visita:
http://minimalistadeschindler.blogspot.com/2007/07/filmes-do-bruce-willis-e-sequelas.html

cumps.

brain-mixer disse...

R Dias, gostei desse blog :P
Humor minimalista ;)

wasted blues disse...

A grande maioria de pior qualidade quando comparados ao grande filme de acção que é o 1º 'Die Hard' e que está quase a fazer 20 anos.

Revi o filme há relativamente pouco tempo e adorei!